Perguntas & Respostas: um minuto por página

(…) enquanto estiver a escrever o guião devo tomar atenção para que cada página corresponda a um minuto de filme ou o programa fará isso por mim?

Patrícia

Patrícia, a questão que levanta é das que mais preocupam os principiantes, e das que menos os deviam preocupar.

Quando se diz que num guião cada página corresponde a um minuto de filme, estamos a falar de médias, de estatística, de uma constatação a posteriori. Se o seu guião for formatado num estilo convencional, e escrito de uma maneira normal, vai chegar naturalmente a esses números: 120 páginas de guião darão um filme de duas horas, mais minuto menos minuto; 90 páginas darão mais ou menos hora e meia; e 200 páginas darão um monte de problemas para o conseguir vender.

A realidade comprovada destas estatísticas não quer dizer que cada página individual vá obedecer estritamente à média. Ou, muito menos, que essa deva ser a sua preocupação. Uma cena de acção – uma perseguição automóvel, por exemplo – pode resumir-se a um parágrafo do guião e, no filme, ocupar quatro ou cinco minutos. Pelo contrário, uma cena de diálogo pode ocupar três páginas e, depois de editada, dar apenas um minuto de película.

Mais ainda – a mesma cena, nas mãos de dois realizadores diferentes, com dois montadores diferentes, vai ter seguramente durações distintas. Mas se mantiver um equilíbrio correcto entre os parágrafos de descrição e os diálogos, se as suas cenas se sucederem no ritmo certo, se estiver a usar um programa adequado ou um modelo correcto, no final vai bater tudo certo.

Depois de aprendidos os princípios básicos da escrita, preocupe-se apenas com a estória, com os personagens, com as emoções e acontecimentos que descreve. Acima de tudo, com a necessidade de manter vivo e em crescendo o interesse do espectador.

 

Estes artigos talvez lhe interessem

2 comentários

Deixe a sua opinião ou comentário: