≡ Menu

Perguntas & Respostas: posso escrever em manuscrito?

Quero escre­ver o meu roteiro manus­crito pri­mei­ra­mente por­que vivo me des­lo­cando de um lugar para outro e um caderno ou um bloco de papel é mais viá­vel para eu regis­tar ideias que pre­tendo trans­for­mar num filme.

Lean­dro.
 

Lean­dro, há outros argu­men­tis­tas que tam­bém escre­vem ini­ci­al­mente em manus­crito, como é o caso do Quen­tin Taran­tino, para citar ape­nas o mais famoso.

As suas pre­o­cu­pa­ções devem ser as mes­mas, inde­pen­den­te­mente de estar a escre­ver à mão, à máquina ou num com­pu­ta­dor: divi­dir cla­ra­mente as cenas com os seus cabe­ça­lhos; ser sucinto nas des­cri­ções nos blo­cos de acção; iden­ti­fi­car cla­ra­mente os per­so­na­gens que falam e os diá­lo­gos cor­res­pon­den­tes; pen­sar a nar­ra­tiva de forma visual – só se escreve o que pode ser visto ou ouvido na tela.
 

tarantino1.jpg

A maior difi­cul­dade que ante­vejo para o for­mato manus­crito é saber a cada momento se já escre­veu de mais ou de menos. O for­mato do guião impresso cor­res­ponde a uma página por minuto de filme, em média. Ou seja, um guião impresso tem nor­mal­mente entre 90120 pági­nas, cor­res­pon­den­tes a um filme de hora e meia a duas horas.

Num manus­crito isso vai depen­der do tama­nho do caderno, da ocu­pa­ção que faz das pági­nas, da sua letra, etc. São variá­veis que ape­nas você pode ava­liar, mas em que deve pen­sar desde já. Tenha tam­bém cons­ci­ên­cia de que, mais tarde, você ou alguém por si terá de trans­for­mar o guião num docu­mento infor­má­tico num for­mato reco­nhe­cido. Nenhum pro­du­tor acei­tará um argu­mento manus­crito nos dias que correm.

Sugiro que com­pare uma página escrita por si com um dos argu­men­tos que dis­po­ni­bi­lizo na página de Recur­sos do site, e tente per­ce­ber a pro­por­ção entre uma e outra. Dessa forma dimi­nui o risco de no final ficar com um guião curto ou longo demais.


Acerca do autor: João Nunes é um autor, guionista e publicitário que divide o seu tempo entre Angola, Brasil e Portugal. Conta com mais de 3000 páginas de guiões produzidas sob a forma de longas metragens, telefilmes, e dezenas de episódios de séries de televisão.

2 comentários… add one

  • karla 12/07/2010, 15:42

    bom dia posso escrever um filme ou um livro como faço mando pra um autor se ele gostar eu vendo como faço !obrigado

    • João Nunes 12/07/2010, 20:49

      É mais ou menos isso: basta escrever o livro ou o filme e depois mandar, não para um autor, mas para um editor ou produtor. Felicidades e boas escritas.

Leave a Comment

Informe-me de novos comentários por email

Próximo artigo:

Artigo anterior:

LIVRO GRÁTIS Um Guião em 30 Dias