As regras de escrita de Christopher Fowler

O escritor Christopher Fowler, autor de romances na área do policial e do fantástico, tem um site onde publica um muito sintético curso de escrita. O último capítulo inclui algumas "regras de escrita" de ficção que eu achei bastante curiosas, até porque coincidem parcialmente com algumas "dicas" que costumo dar aos meus alunos no fim dos workshops de guionismo.

Dei-me por isso ao trabalho de as traduzir do inglês, o que me deixou curioso em relação ao livro de onde, aparentemente, elas foram retiradas. O artigo original pode ser lido aqui, e as regras são as seguintes:

 

  1. Ficção quer dizer que você pode inventar coisas.
  2. Não tenha vergonha de fazer figuras tristes.
  3. Pergunte a si mesmo o que o seu herói realmente quer.
  4. Quando acha que a estória não pode ir mais longe, vá mais longe.
  5. Não é preciso explicar sempre porque é que as pessoas fazem o que fazem.
  6. Toda a gente sente o mesmo; apenas pensam de forma diferente.
  7. Você tem de gostar de alguma coisa no seu herói.
  8. Mantenha a estória sempre a avançar.
  9. Personagens que se contradizem a si mesmos são mais humanos.
  10. Diálogo não é conversa.
  11. É melhor fazer que descrever.
  12. A vida é uma confusão a que a ficção dá forma.
  13. Há uma diferença entre ser realista e ser credível.
  14. Certifique-se de que sempre fica algo escondido.
  15. Ninguém sabe porque as pessoas se apaixonam.

Subscrevo-as todas, e gosto particularmente das 5ª, 6ª, 8ª, 9ª10ª, 13ª e 14ª (numeração minha).

Estes artigos talvez lhe interessem

2 comentários

  • berni ferreira 27/04/2011   Deixe uma resposta a →

    Também gosto muito da 5ª regra. É das coisas mais fáceis de esquecer.

    Obrigado pela tradução e pelo link, João!

  • Nélia Matos 02/05/2011   Deixe uma resposta a →

    Vou escrever 100 vezes a 1ª, a 3ª e a 6ª para nunca mais me esquecer! Pensando bem, talvez faça com a lista toda. Excelentes dicas, obrigado!

Deixe a sua opinião ou comentário:

%d bloggers like this: