Está aberto o concurso do ICA de apoio à escrita

A partir de dia 3 de Janeiro o ICA – Instituto do Cinema e Audiovisual – começou a aceitar as candidaturas ao Programa de Apoio à Escrita de Argumentos para Longas Metragens de Ficção. O apoio máximo a conceder a cada projeto é de 10.000 €, até um total de 50.000 €. Normalmente isto quererá dizer que vão ser apoiados cinco projetos.

As candidaturas podem ser apresentadas até dia 6 de Abril, o que deixa a todos os interessados um prazo muito razoável para a preparação dos seus dossiers. Neste concurso os argumentistas podem concorrer individualmente, sem necessidade de produtor, ou através de um produtor registado.

Segue-se um resumo do que cada argumentista deve apresentar para a candidatura, mas recomendo a leitura atenta do regulamento, que está disponível no site do ICA.

1. Candidatos e beneficiários

Podem candidatar-se e beneficiar os argumentistas e os produtores independentes com a inscrição em vigor no Registo das Empresas Cinematográficas.

2. Candidaturas

A instrução da candidatura integra os seguintes elementos e informações:

  • Preenchimento obrigatório do formulário de candidatura;
  • Sinopse, até 1 500 caracteres;
  • Declaração de intenções do requerente sobre o tema e abordagem propostas, sua importância e originalidade e sobre a sua viabilidade enquanto projecto cinematográfico (máximo 5 000 caracteres);
  • Caracterização das personagens;
  • Três cenas dialogadas e interligadas;
  • Contratos celebrados com o eventual autor da obra preexistente e entre o argumentista e produtor, quando seja este o requerente, em conformidade com o disposto no Código do Direito de Autor e Direitos Conexos;
  • Currículo do argumentista;
  • Currículo do produtor, tal como consta do Registo das Empresas Cinematográficas;
  • Certidões comprovativas da regularidade da situação do requerente perante a administração fiscal e segurança social.

Todos os esclarecimentos adicionais devem ser obtidos junto do ICA, pelos contatos 00 351 213 230 800 ou mail@ica-ip.pt.

Por favor não me enviem questões sobre este concurso; infelizmente não terei disponibilidade para poder responder.

Estes artigos talvez lhe interessem

2 comentários

  • 09/01/2011   Deixe uma resposta a →

    O problema é que sem um produtor, e sem argumentos produzidos anteriormente, o conceito teria de “valer” o dobro da concorrência. O que, sejamos sérios, é muito difícil.

  • Nélia 15/01/2011   Deixe uma resposta a →

    Devia haver, como para os realizadores, apoio para primeiras obras.

Deixe a sua opinião ou comentário: