Update Projecto Z

Por questões contratuais, suspendi por tempo indeterminado o desenvolvimento do Projecto Z. O cinema é um casamento entre arte e negócio e por vezes os interesses de um desses cônjuges não estão completamente alinhados com os do outro. Uma parte de mim ( o "artista"…) continua cheio de vontade de continuar a escrever e trabalhar. […]

Continue a Ler

Eu na Variety, imaginem

A revista Variety é considerada a "bíblia" da indústria cinematográfica americana e internacional. Quem quer ter uma palavra a dizer tem de a ler religiosamente para saber os últimos "deals", os resultados de bilheteiras nos principais mercados, quem é quem e quem financia o quê, etc. Uma crítica negativa na Variety pode arruinar um filme, […]

Continue a Ler

Para onde caminha o guionismo em Portugal

Fui convidado para representar as Produções Fictícias num debate público sobre o futuro do guionismo em Portugal. Para quem esteja interessado no tema, deixo a notícia retirada do site dos ScriptMakers, empresa que organiza o encontro. Para onde caminha o guionismo em Portugal. A Scriptmakers convida-o para estar presente num debate sobre Para onde caminha […]

Continue a Ler

O Santinho

Com o Diário de Notícias de hoje foi-me oferecida mais uma medalha de uma pirosa colecção dedicada às “grandes figuras portuguesas”. O sujeito do dia era, nem mais nem menos, o cineasta João César Monteiro, o das veredas silvestres, casas amarelas e brancas de neve. Posso não ser profundo conhecedor do personagem, nem grande apreciador […]

Continue a Ler

Mais uma etapa no “projecto z”

Terminei finalmente de reler e anotar o romance que estou a adaptar para cinema. Como tinha previsto num artigo anterior, esta fase demorou mais do que tinha planeado inicialmente. Mas é natural – esta releitura foi mais cuidadosa e profunda do que a primeira, tomei muitas notas, já comecei a delinear a estrutura do filme […]

Continue a Ler

O fluxo das ideias

Conforme vou lendo e anotando o romance, e passando essa anotações para o software de estruturação, começam a surgir ideias para o guião. Algumas têm a ver com a estrutura do filme (“talvez esta cena devesse entrar noutro lugar” ou “acho que esta sequência não vai caber no guião”), outras têm a ver com questões […]

Continue a Ler

Estimativas

Depois de um primeiro fim de semana de trabalho (e atendendo a que, por enquanto, só posso trabalhar neste projecto aos fins de semana e noites) estimo umas três semanas para acabar esta fase de leitura anotada e de levantamento dos principais elementos do romance.

Continue a Ler

Primeiras notas de leituras

Estou a reler o romance que vou adaptar, tomando notas para refrescar a memória que retive da primeira leitura. Como já suspeitava, o desafio maior vai ser decidir o que deixar de fora. O livro tem uma riqueza de material de base – personagens, situaíões, referências, até diálogos – muito superior ao que um filme […]

Continue a Ler

Decisão

Vou comeíar a escrever o meu próximo guião, uma adaptaíão de um romance. Consegui autorizaíão do autor e até já tenho um produtor interessado. Coisa séria, como se pode ver, e a responsabilidade é muita. Talvez por isso tenha demorado tanto tempo até ganhar coragem para deitar mãos í  obra. Sei que vai dar-me muito […]

Continue a Ler

Assustador

Ontem vi o filme mais assustador dos últimos tempos: A Descida, do guionista/realizador Neil Marshall. É um daqueles filmes que conforme o tempo passa nos vão empurrando para a beira do sofá, cada vez mais tensos, cada vez mais horrorizados. A história é simples. Seis amigas com gosto pela aventura e desportos radicais exploram uma […]

Continue a Ler

Escrita

Estou a trabalhar na reescrita de uma série de televisão para a RTP, passada entre Portugal e Angola, no tempo presente e durante a guerra colonial. Lembraram-se de mim por causa do último guião que escrevi para o canal 1 (o telefilme “29 Golpes” da série “Amores”) e por estar aqui a viver em Luanda. […]

Continue a Ler

Aniversário

As Produções Fictícias comemoram 13 anos no dia 1º de Abril. A data foi criteriosamente escolhida, é claro, de acordo com o espírito da empresa. Na festa de aniversário vai ser lançado o livro “13 anos de insucessos”, a primeira biografia oficial deste grupo de autores a que me orgulho de estar associado. Recomendo imensamente […]

Continue a Ler

Sin City

Não posso dizer que “Sin City”, de Frank Miller e Robert Rodriguez, seja um bom filme, porque não é exactamente de um filme que se trata. “Sin City” é coisa nova, uma mutaíão de uma banda desenhada, mas não no sentido depreciativo com que normalmente se faz essa comparaíão. Neste caso é um elogio, ou […]

Continue a Ler

A Selva

Hoje vi “A Selva” no Lusomundo Gallery. “A Selva”, ou o que restou dela, depois de um corte e recorte “selvático” (perdoem-me o trocadilho). Não sei quantos minutos retiraram a esta versão televisiva, mas o que sobrou tem tantos buracos narrativos, tantos saltos, tantas falhas e incoerências que mal se mantém de pé. Se se […]

Continue a Ler