Nada é original. Rouba tudo o que mexer com a inspiração ou incendiar a tua imaginação. Devora filmes antigos, filmes novos, música, livros, pinturas, fotografias, poemas, sonhos, conversas ao acaso, arquitetura, pontes, sinais de rua, árvores, nuvens, corpos de água, luz e sombras. Mas sê seletivo e rouba apenas coisas que falem diretamente à tua alma. Se fizeres isto, a tua obra (e roubo) será autêntica. A autenticidade é o bem mais valioso; a originalidade não existe. – Jim Jarmusch

O meu processo é pensar… pensar… e pensar. Se tiverem uma maneira melhor, agradeço que me informem.
Hayao Miyazaki

A tarefa de um dramaturgo é fazer o espectador interrogar-se sobre o que acontecerá a seguir. – David Mamet

Esqueça todas as regras que o Syd Field, Robert McKee ou qualquer outro guru da escrita lhe ensinaram. Todas menos uma: Nunca seja chato. – David Mamet

Uma das coisas mais importantes acerca de escrever o primeiro argumento é o fato de realmente termos terminado um argumento. Ter feito isso é uma etapa muito importante – mesmo que ele seja uma porcaria. Dá-nos uma certa confiança para seguir em frente e fazê-lo outra vez. – Charlie Kaufman