Problemas com acentos

Fiz um upgrade do motor deste blogue (o WordPress) para a versão 2.2 e, subitamente, todos os acentos e sinais especiais enlouqueceram. Enquanto não tiver tempo para corrigir isto (se for possível) peço desculpas a todos os leitores pelo transtorno. Update: já consegui perceber o que aconteceu; tem a ver com diferenças nos character sets […]

Continue a Ler

Fujam de Barcelona

Nunca, mas mesmo nunca – repito, nunca – visitem Barcelona sem reservar antes hotel. Nós caimos nessa asneira e viemos para cá convencidos de que, chegados à cidade, encontrariamos alojamento com facilidade. Erro, grande erro. Andamos às voltas por Barcelona desde as 18h30 e só conseguimos um quarto às 01h30 da manhã. E, mesmo assim, […]

Continue a Ler

Desengravatem-se!

Vinícius de Moraes, esse grande poeta brasileiro, músico e boémio, amante de chop e de garotas bronzeadas, visitou Portugal nos anos 60, em plena ditadura. Achou os portugueses muito formalistas, muito “engravatados”, como se pode comprovar num pequeno discurso improvisado que ficou registado no disco que gravou ao vivo em casa de Amália Rodrigues, com […]

Continue a Ler

Salvem a biblioteca

Um amigo brasileiro pede-me para divulgar esta mensagem. E como os amigos são para as ocasiões… <blockquote>Convoco todos a lutar para impedirmos um desastre. Imaginem um lugar onde se pode ler gratuitamente, as obras de Machado de Assis, ou A Divina Comédia, ou ter acesso às melhores historinhas infantis de todos os tempos. Um lugar […]

Continue a Ler

Ver (em) Braga

Os Encontros da Imagem de Braga chegaram ao 20º Aniversário. Só lá fui uma vez, há bastantes anos, e lembro-me que na altura gostei tanto da cidade como do evento. Infelizmente Braga fica longe e, por muito que eu goste de fotografia, uma ida representa muitas horas de estrada e muitos litros de gasolina. Pelo […]

Continue a Ler

De regresso à tuga

Bom, cá estamos de volta à realidade. Tirei uns dias de férias com a Lu e os meus filhos no Algarve (prometo um artigo para breve), que chegaram para demonstrar que Portugal me reservava poucas novidades: fogos nas matas, políticos de férias, queixas de crise, aumentos de preços, o costume… Diferenças, muito poucas: assim à […]

Continue a Ler

Obrigado, agente Óscar

Tenho de agradecer ao agente Óscar, da polícia de trânsito de Luanda, por ter tornado um pouco menos difícil a minha partida de Angola. No mesmo dia em que os meus colegas me organizaram um jantar de despedida e me encheram de mimos e carinhos, de frases simpáticas, de gestos de camaradagem, de provas de […]

Continue a Ler

Bom senso

Enquanto estava na esplanada um miúdo de rua pediu-me dinheiro. Tinha dois pensos grandes na testa, cruzados como nos desenhos animados, mas sem a graía dos desenhos animados. Estava descalío. Por um momento pensei em dar-lhe as minhas havaianas e regressar assim a casa, afinal de contas era só atravessar a rua. É claro que […]

Continue a Ler

Baques

Sinto sempre um baque no coraíão quando um agente da polí­cia olha para mim na rua, ou faz um movimento inesperado. Imagino que me vai mandar parar e assusto-me. O engraíado é que tenho tudo legal: passaporte com visto de trabalho, carta de conduíão, documentos do carro e autorizaíão para o conduzir. Mas a sensaíão […]

Continue a Ler

Acidente

Agora mesmo, enquanto estou aqui na net, houve um acidente automóvel em frente da minha casa. Ouvi a travagem e o som seco do choque e corri para a varanda, para ver o resultado. Felizmente não houve feridos, apenas lata amolgada. Luanda é uma cidade de trânsito caótico, como já referi, e há acidentes todos […]

Continue a Ler

Tirem senha

Acho que devia haver um sistema de gestão de filas para os problemas, como aqueles que há nos bancos e repartiíões públicas. Os problemas chegavam, tiravam a senha cor-de-rosa, e esperavam calmamente pela sua vez. Em vez de se amontoarem todos no balcão, a querer ser atendidos em primeiro lugar.

Continue a Ler

A Aventura do Poseidon

O Lusomundo Premium passou ontem, depois do jogo Portugal x Franía, um filme muito a propósito: “A Aventura do Poseidon”. Nesse épico dos anos 70 um pequeno grupo de pessoas, corajosas e lutadoras, chefiadas por um sacerdote com mau feitio mas bom coraíão, tentam sobreviver dentro de um barco virado por uma onda gigante. Chamemos […]

Continue a Ler

Final em Português

Fiz mal as contas. Afinal, Portugal e Brasil só se podem encontrar nas meias-finais (se tudo correr bem aos dois). O que quer dizer que ainda não é desta que haverá uma final em português. Pensando no lado positivo das coisas, talvez desta forma eu e a Lu possamos vir a torcer pela mesma equipa […]

Continue a Ler

Empata-jogos

Nesta primeira fase do Mundial há algumas equipas que têm tanto a ver com futebol como um pentelho encravado tem a ver com sexo. Estão lá no campo, onde a acíão decorre, mas só servem para atrapalhar quem está empenhado no acto propriamente dito. São os japões, irãos e equadores da vida, fechados nas suas […]

Continue a Ler

Crianças de rua

Quando vim para cá tive de enfrentar um dilema que, mais cedo ou mais tarde, atormenta todos os visitantes de Angola: dar ou não dar dinheiro às crianças de rua. É difí­cil ver miúdos da idade dos meus filhos, de mão estendida, a pedir dinheiro para comer, às vezes à beira das lágrimas. E são […]

Continue a Ler