Estimativas

Depois de um primeiro fim de semana de trabalho (e atendendo a que, por enquanto, só posso trabalhar neste projecto aos fins de semana e noites) estimo umas três semanas para acabar esta fase de leitura anotada e de levantamento dos principais elementos do romance.

É claro que, como qualquer estimativa portuguesa, esta terá tendência a estar errada. Assim, vamos duplicar esse tempo, o que me atira para o fim de Agosto, quando estiver de regresso a Portugal. Bate certo – depois de umas férias com a famí­lia poderei então deitar mãos í  escrita do guião, no iní­cio de Setembro. O que quer dizer que, mais coisa menos coisa, terei uma primeira versão “mostrável” do guião antes do fim do ano.

Ainda no campo das estimativas, prevejo pelo menos mais duas re-leituras do romance antes de terminar o trabalho: uma de consulta, permanente, durante a fase de escrita; e outra de repescagem, depois da re-escrita e antes da versão final. Daí­ a importância de um guionista só se envolver em projectos longos por paixão; se eu não gostasse muito deste romance, dificilmente conseguiria mergulhar tão intensamente no seu universo num espaío de tempo tão curto.

Estes artigos talvez lhe interessem

Deixe a sua opinião ou comentário:

%d bloggers like this: