Provérbio

“Mbewu kalondi kocisingi, omanu vakapako” quer dizer “o cágado não consegue subir na árvore por si só”. No jornal “A Capital”, de onde tirei este provérbio (ediíão de 17 de Junho de 2006), ele aparece como prova de que os ovimbundu são democráticos por excelência. O cágado (o soba) não sobe sozinho í  árvore; são as pessoas que o colocam lá (o elegem).

Já tinha ouvido este provérbio numa história contada por alguém, mas com um sentido diametralmente oposto. Nessa história, supostamente verí­dica, o cágado (um dirigente regional) estava no cimo da árvore do poder de uma determinada região porque alguém (um dirigente superior) o tinha colocado lá; e os sobas locais, a quem o provérbio era recordado pelo tal dirigente regional, deviam ver nisso razão necessária e suficiente para engolir o cágado postado lá no alto da sua árvore. Rezava a história que teriam aceite sem grande discussão.

A sua opinião é importante. Deixe-a aqui:

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

João Nunes

João Nunes é um autor, guionista e storyteller que gosta de ajudar os outros a contar as suas próprias estórias. Divide o seu tempo entre Angola, Brasil e Portugal e já escreveu mais de 3500 páginas de guiões produzidos de curtas e longas metragens, telefilmes e séries de televisão.