Olhem eu na TV

Permitam-me uma pequena deriva egomaníaca: neste próximo sábado aparecerei num programa do Canal Q (posição 15 do MEO), o Baseado numa história verídica. O tema do programa, que passará às 23:15, é uma entrevista de vida com o Herman José, conduzida pelo Aurélio Gomes. Eu aparecerei apenas numa pequena peça gravada a explicar, enquanto argumentista, como abordaria a escrita de um filme biográfico sobre o Herman.

Se não puderem ver em direto, o Canal Q oferece a grande inovação de manter permanentemente em arquivo, com acesso a qualquer momento, toda a programação anterior. Aproveitem para conhecer o Canal Q, se ainda não o fizeram. É uma das propostas mais estimulantes da nossa televisão; mostra o que poderia ser a RTP 2 se fosse feita com mais imaginação, irreverência e atenção à cultura urbana contemporânea.

Olhem eu na TV

Este Artigo Tem 6 Comentários

  1. Herman José

    E eu adorei a prestação e o argumento ! Abraços !

  2. Nélia

    Onde é que podemos ver o vídeo? Já procurei no site do canal Q mas não encontro.

    1. João Nunes

      Não estou em Portugal, por isso não posso verificar. Mas supostamente os vídeos ficam no arquivo do Canal Q (15 do Meo) a que se acede a qualquer momento carregando no botão vermelho do telecomando (não o de gravação, mas aquele que está numa fila de botões coloridos).

  3. Apesar de bem estruturado não gostei muito do argumento. Talvez por causa do enorme carinho que tenho pelo Herman, e por isso achar que há algo mais importante a ser contado.
    Mas foi bastante prazeroso vê-lo. Gostaria apenas de saber se vai ser presença habitual no programa? Porque pela dinâmica do mesmo torna-se óbvio a presença habitual de um argumentista…

    1. João Nunes

      Eu também gosto muito do Herman, mas não me parece que hajam dúvidas de que, neste momento, este triste episódio da Casa Pia é inescapável. O próprio Herman concordará com isso; a acusação que lhe foi feita, apesar de nunca provada, marcou-o certamente muito. Numa biografia filmada daqui a dez anos, possivelmente passará a ser apenas uma nota de rodapé.
      Quanto à sua questão, não vou ser presença permanente do programa porque achámos que seria mais útil à “causa” dos argumentistas se os convidados variassem de programa para programa.

A sua opinião é importante. Deixe-a aqui:

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

João Nunes

João Nunes é um autor, guionista e publicitário que divide o seu tempo entre Angola, Brasil e Portugal. Conta com mais de 3000 páginas de guiões produzidas sob a forma de longas metragens, telefilmes, e dezenas de episódios de séries de televisão.