Escrever um argumento é como sair de uma sala de cinema

"Escrever um argumento de um filme é como sair de uma sala de cinema e apercebermo-nos de que o filme que acabámos de ver não existe e depois ser motivado a contá-lo, tim-tim por tim-tim, a um amigo imaginário que é totalmente surdo, com o qual apenas conseguimos comunicar… escrevendo!" — Fernando Fragata, autor e realizador

Estes artigos talvez lhe interessem

"Se fosses um mecânico, não irias duas horas para o Starbucks à espera que a musa te dissesse o que fazer com um carburador avariado. Deitavas-te debaixo do motor e arranjavas o raio do carburador. E 95% do que nós [guionistas] fazemos é resolver problemas. Não é esperar por um momento de inspiração artística, mas sim resolver problemas." - Billy Ray
Escreve. Reescreve. Quando não estiveres a escrever ou a reescrever, lê. Não conheço atalhos. Larry L. King

A sua opinião é importante. Deixe-a aqui:

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: