Droga, loucura, morte

Lembrei-me desse slogan a propósito da mini-série de televisão que estou agora a escrever. É o primeiro slogan publicitário contra a droga de que tenho memória, penso que do tempo do Marcelo Caetano. Antes que perguntem – sim, ainda tenho recordações desse período, e não são assim tão poucas.

A sua opinião é importante. Deixe-a aqui:

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

João Nunes

João Nunes é um autor, guionista e storyteller que gosta de ajudar os outros a contar as suas próprias estórias. Divide o seu tempo entre Angola, Brasil e Portugal e já escreveu mais de 3500 páginas de guiões produzidos de curtas e longas metragens, telefilmes e séries de televisão.