Já saiu a versão impressa do meu livro de guião

O meu livro Como escrever um argumento de cinema foi lançado originalmente no formato e-book, em todas as lojas online da Amazon. Pode, por exemplo, ser encontrado aqui (Brasil = R$16,36), aqui (Europa = Euro €3,61) e aqui (EUA = US$4,23).

Agora, está finalmente disponível em versão impressa, também na Amazon, para quem ainda prefere o cheiro do papel e a possibilidade de tomar notas nas margens.

O conteúdo é exatamente o mesmo que o do livro digital, mas aproveitei esta edição para fazer pequenos ajustes e correções ao texto em ambas as versões.

Pode encontrá-lo, por exemplo, aqui (Europa = Euro €9,35) ou aqui (Estados Unidos = US$9,95 ).

Infelizmente, devido a limitações da Amazon (que não consigo entender), a versão impressa de Como escrever um argumento de cinema ainda não chega a todo o lado. Especialmente, e com grande lástima minha, não está disponível – por agora – no Brasil.

Vou continuar atento, para conseguir disponibilizá-lo em todo o lado, logo que possível. Entretanto, se vive no Brasil, em Angola ou noutro país que não tenha acesso à Amazon, e está interessado em comprar o livro, por favor contacte-me por mensagem direta e eu verei qual o custo total, incluindo o envio.

Da apresentação do livro:

“Como Escrever um Argumento de Cinema” é uma introdução à escrita para cinema, televisão e audiovisual em geral. Tem uma ideia que gostaria de ver transformada num filme? O primeiro passo é escrever o argumento desse filme, também chamado de guião ou roteiro de cinema. Mas para isso precisa ter as noções básicas de dramaturgia, desenvolvimento de tramas narrativas, criação de personagens e escrita de cenas e diálogos. “Como Escrever um Argumento de Cinema” é uma primeira abordagem a todos estes temas, leve e fácil de entender, escrita por um argumentista profissional com mais de 3500 páginas de roteiros produzidas em seis longas-metragens, vários telefilmes e dezenas de episódios de séries televisivas.”Como Escrever um Argumento de Cinema” começa com um Plano de Trabalho que, se respeitado, lhe permitirá chegar ao fim do seu guião em apenas 30 dias. Inclui ainda as dicas mais importantes para abordar os desafios da escrita do roteiro, e termina com uma abordagem ao processo de reescrita que sempre deve existir antes da apresentação pública de um argumento de cinema.O essencial deste pequeno mas bem recheado livro nasceu da interação do autor, João Nunes, com os leitores do seu blogue https://joaonunes.com, onde há mais de doze anos publica sobre temas relacionados com a escrita audiovisual e o cinema

Já disponível nas lojas Amazon

“Como Escrever um Argumento de Cinema” é uma introdução à escrita para cinema, televisão e audiovisual em geral.
Tem uma ideia que gostaria de ver transformada num filme? O primeiro passo é escrever o argumento desse filme, também chamado de guião ou roteiro de cinema.

VERSÃO EBOOK

Como Escrever
um Argumento
de Cinema

Description

VERSÃO IMPRESSA

Como Escrever
um Argumento
de Cinema

Description

Já saiu a versão impressa do meu livro de guião

Este Artigo Tem 2 Comentários

  1. Viva João!
    Esse livro me ajudou muito.
    Eu sempre quera algo teu que fosse meu, agora chegou a oportunidade!
    Guarde uma cópia para mim, vou contacta-lo diretamente ainda hoje.

    Voce não sabe a ajuda que tem dado.

    Meu eterno professor, fizemos um esforço para nos conhecermos pessoalmente, agradeço pelo gesto.

    Que todos os seus livros em todas as plataformas esgotem.
    Sucessos João!

    PS: Escrevi um texto tão lindo mas os robôs do Askimet interpretaram como spam , RAIVA!

    1. João Nunes

      Muito obrigado pelas tuas palavras, Edgar, fico sinceramente emocionado. Foi um prazer conhecer-te em Angola e tenho a certeza que nos voltaremos a encontrar em algum momento.

A sua opinião é importante. Deixe-a aqui:

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Próximo ArtigoRead more articles

João Nunes

João Nunes é um autor, guionista e storyteller que gosta de ajudar os outros a contar as suas próprias estórias. Divide o seu tempo entre Angola, Brasil e Portugal e já escreveu mais de 3500 páginas de guiões produzidos de curtas e longas metragens, telefilmes e séries de televisão.